Porto de Paranaguá

Reformulação Berços 202 a 213

A expansão do Porto de Paranaguá contemplará o novo píer de granéis sólidos do novo corredor de exportação, do novo cais comercial e do novo terminal de contêineres e veículos.

O projeto de ampliação da laje da retro-área e do novo berço do cais consistiu preliminarmente da análise da estrutura existente do cais, retro-área e das fundações, seguindo-se com os Projetos de reforços da retro-área com execução de estacas Raiz e construção de novas vigas transversais e longitudinais.

Para ampliação de novo berço foram executadas injeções de colunas de solo-cimento – “DEEPSOILMIX” para reforço das estacas prancha em concreto armado do cais, juntamente com a cravação de estacas pré-moldadas, tipo “SCAC”, com Perfil Metálico soldado na sua ponta.

Foram realizados o Controle de Qualidade das fundações, com a execução das Provas de Cargas Estáticas e Provas de Cargas Dinâmicas.

CLIENTE – APPA – Administração dos Portos de Paranaguá e Antonina.

Saiba mais

Porto de São Sebastião

O Projeto de Recuperação do Cais e laje da retroárea iniciou-se pela análise da Estrutura do enrocamento de pedra e das fundações do Porto de São Sebastião, seguindo-se com os Projetos de reforços das fundações em tubulões, das vigas principais e secundárias, e parte inferior da laje do cais, elaboração de Projeto Executivo de dragagem e do Projeto Executivo da estrutura marítima do Dolphin de amarração.

Projetos Complementares – Foram executados os Projetos Executivos de Pavimentação da VIA de Acesso nos Módulos 01 a 07, de Drenagem do Cais, Projetos de Hidráulica, Elétrica, Telefonia e Projeto Executivo do Separador de óleo.

Projeto de Cais Auxiliar – Foi elaborado o Projeto Executivo da rampa auxiliar.

Projeto de Estrutura Metálica – Foi elaborado o Projeto Executivo de uma passarela Metálica interligando o Cais aos DOLPHINS de Amarração.

Provas de Carga Estática(PCE) e Dinâmica(PDA) e Ensaio de Integridade(PIT) nas Estacas – Foram executados Provas de Cargas Estáticas-PCE para 160tf, Provas de Cargas Dinâmicas(PDA) e Ensaios PIT, nas estacas pré-determinadas para comprovação da Capacidade de Carga Estaca/solo e sua integridade, conforme exigência do Projeto de Fundações e das Normas específicas.

Projeto Prédio Administrativo – Foi elaborado o Projeto Arquitetônico, Projeto Executivo e Projetos Complementares.

CLIENTE – SERVENG

Saiba mais

TUP – Vila do Conde – PA

O Projeto do Terminal de Uso Privativo – TUP, constituiu-se de um Píer de Atracação de Navios graneleiros, um Píer de Atracação de Barcaças e estruturas de suporte de esteiras rolantes que farão a carga e descarga dos granéis às embarcações, Dolphins de amarração e Torre de Transferência.

Os Projetos Executivos consistiram no dimensionamento elementos da estrutura e fundação com Controle de Qualidade através de 02 Provas de Cargas Estáticas-PCE e 32 Provas de Carga Dinâmicas-PDA, no Pier de Granéis Sólidos de Vila do Conde, Barcarena – PA.

Projetos Complementares – Foram executados o Projeto Executivo de Drenagem do Cais e os Projeto Executivos dos Separadores de Água e Óleo do Pier de Navios e Pier de Barcaças.

CLIENTE – ATERPA

Saiba mais

Projeto Mexilhão – Caraguatatuba

Como parte das atividades de expansão da malha de distribuição de gás natural no Estado de São Paulo, a Petrobrás contratou a obra de construção da chegada do seu gasoduto à Praia da Palmeiras em Caraguatatuba.

Como o gasoduto deve estar enterrado na sua chegada ao continente, foi necessário o desenvolvimento de um trabalho complexo de contenção prévio do terreno, antes do pull in do duto.

Coube à Redav o desenvolvimento do Projeto e da Metodologia Executiva para a realização da contenção prévia ao pull in do duto. O maior desafio desta obra foi a sua execução em solo mole, composto por uma pequena camada de areia sobre outra de argila mole, sem poder interromper o fluxo de água marinha.

Para a execução do projeto foi necessário o desenvolvimento de duas unidades de cantitravel. A primeira para a cravação das estacas de fundação da estrutura de suporte do cantitravel e a segunda para o cravamento das estacas prancha.

A logística de distribuição de materiais foi realizada com dois carros, que percorriam a mesma estrutura de trilhos do cantitravel. Estes carros também foram usados nas atividades de escavação dos trechos onde foi enterrado o duto.

Saiba mais